Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Integrid: Vila do Samouco é escolhida pela EDP para projeto europeu inovador

1 1 750 2500
24 Julho 2018

Na passada sexta-feira, 20 de julho, realizou-se no Clube Náutico AlFoz a apresentação institucional do Integrid pela EDP Distribuição, um projeto inovador que coloca o consumidor no centro das decisões nas redes inteligentes de energia. A vila do Samouco foi um dos quatro núcleos selecionados a nível nacional para ser polo de demonstração deste projeto europeu que vai alterar a relação dos consumidores com a eletricidade nas suas casas.

O presidente da Câmara Municipal de Alcochete iniciou as intervenções oficiais desta sessão dirigida aos autarcas locais. Na sua intervenção, Fernando Pinto, revelou satisfação por Alcochete estar na vanguarda deste projeto inovador e por se celebrar mais uma parceria que vai ao encontro dos esforços encetados pelo executivo municipal para tornar Alcochete um concelho Integrid e, consequentemente, um Município mais sustentável.

“Estar na linha da frente de um projeto desta natureza, com as caraterísticas que o definem é, sem dúvida, um motivo de orgulho para Alcochete. A EDP apostou no nosso concelho e como tal, desperta em nós a obrigatoriedade de promovermos o contributo necessário para que os resultados possam ser aferidos de modo a que as políticas de energia sustentável sejam políticas adequadas para o benefício de todos”, começou por referir o presidente da Câmara Municipal naquele que foi o dia zero deste projeto coordenado pela EDP Distribuição.

“O Integrid visa desenvolver soluções inovadoras na área das redes inteligentes e o momento que hoje aqui vivemos é um virar de página inequívoco, que espera por parte dos consumidores uma intervenção ativa para que as conclusões finais sejam as expetáveis e para que o projeto per si possa ser uma réplica em toda a Europa. Estamos a contribuir decisivamente para um melhor futuro da nossa comunidade”, salientou Fernando Pinto afirmando ainda que esta é uma parceria que inscreve o nome de Alcochete no “livro de honra” da nova era tecnológica e de consumo energético sustentável.

Para além de Portugal, que apresenta os concelhos de Alcochete, Caldas da Rainha, Évora e Mafra como núcleos de demonstração deste projeto, o Integrid conta ainda com o envolvimento de Espanha, Alemanha, Suécia, Holanda, Áustria, Eslovénia e Reino Unido.

Tendo como principal objetivo testar no terreno soluções inovadoras de redes inteligentes de energia, que permitirão medir resultados relacionados com os sistemas de armazenamento de energia, produção de energias renováveis e flexibilidade do consumo doméstico de energia, o Integrid pretende ainda alcançar o envolvimento do consumido final, sendo este o grande desafio, tal como adiantou o presidente do conselho de administração da EDP Distribuição, João Torres.

“Vamos dar um passo em frente e vamos ter o envolvimento dos consumidores, dos clientes, que não tínhamos no passado. Para além de instalarmos um contador inteligente, neste caso, o que procuramos é esta participação hiperativa do consumidor, o que é muito desafiante”, reforçou João Torres referindo ainda que para este customer engagement é fundamental o envolvimento das autarquias locais e da comunidade.
Na vila do Samouco, os resultados serão medidos através de uma amostra de 100 clientes associados a dois postos de transformação específicos.

Serão dinamizadas ações de informação para que os munícipes da freguesia do Samouco possam conhecer melhor o projeto e como poderão participar no mesmo.

Aprovado pela Comissão Europeia, no âmbito do programa Europeu Horizon2020, o Integrid tem um orçamento de 15 milhões e um horizonte temporal de 42 meses, ou seja, término no ano de 2020.

2 1 1024 2500
3 1 1024 2500
4 1 1024 2500
5 1 1024 2500
6 1 1024 2500

Município de Alcochete © 2015 | Todos os direitos reservados

wc3 wcag 2.0 amrs logotipo logotipo wiremaze