Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Município apoia alunos carenciados do concelho

Copy of 750x480 site   destaque medio 6 1 750 2500
09 Fevereiro 2021

Na reunião de 3 de fevereiro, a vereadora da Educação, Maria de Fátima Soares, prestou informações sobre o funcionamento das escolas no contexto da pandemia, nomeadamente no que diz respeito ao fornecimento de refeições aos alunos do pré-escolar e do 1.º ciclo e os apoios quanto aos recursos informáticos para o ensino à distância em todos os níveis de ensino.

A autarca informou que, durante as duas semanas de suspensão das aulas, o município entregou gratuitamente ao domicílio cerca de 100 refeições diárias, compostas por lanche e almoço (sopa, prato e fruta), aos alunos dos escalões A e B do pré-escolar e 1.º ciclo, sendo de salientar que a Câmara isentou os alunos do escalão B do pagamento de 50% da refeição até ao final deste ano letivo.

Maria de Fátima Soares disse ainda que as referidas refeições foram reforçadas para apoiar as famílias e que a todo o momento estas podem solicitar ao Setor de Educação da Autarquia o apoio alimentar para os seus educandos com Ação Social Escolar.

De salientar que no período de interrupção letiva do Natal a Câmara Municipal assegurou, nos dias 21, 22 e 23 de dezembro, o fornecimento da refeição escolar a 39 alunos dos escalões A e B, em regime de take-away, e que, no dia 23 de dezembro, foram entregues 53 cabazes de Natal aos alunos que beneficiaram das refeições take-away, com escalão da ASE e aos que frequentaram os serviços das Atividades de Animação e Apoio à Família (AAAF) e da Componente de Apoio à Família (CAF).
De referir que no primeiro confinamento, ou seja, de 23 de março a 31 de maio de 2020, foram fornecidas 1.760 refeições, em regime de entrega ao domicílio, aos alunos do pré-escolar e 1.º ciclo, beneficiários dos escalões A e B, cujos encarregados de educação responderam positivamente a este serviço. Após a abertura do pré-escolar, de 1 de junho até ao final do ano letivo, a autarquia continuou a prestar apoio alimentar aos alunos beneficiários dos referidos escalões, período em que foram fornecidas cerca de 33 refeições diárias, em regime de take-away.

Sobre os recursos digitais pedagógicos e sociais para o ensino à distância, que tem início hoje, dia 8 de fevereiro, a autarca referiu que o Plano de Ensino à Distância do Agrupamento de Escolas de Alcochete não requer validação por parte da Autarquia, mas que esta se disponibilizou para fazer parte do projeto, sendo que a sua implementação passa pela colaboração entre as várias entidades parceiras, quer a própria Autarquia, quer as associações de pais, juntas de freguesia, toda a comunidade escolar.

De acordo com a vereadora da Educação, nesta fase de ensino à distância , o município disponibilizou os recursos humanos e técnicos para desenvolver conteúdos pedagógicos e dinamizar aulas síncronas no âmbito do Programa 1.º Salto para os alunos do ensino pré-escolar e 1.º ciclo, ou seja, “disponibilizamos os nossos professores de Educação Física e de Expressão Físico-Motora para darem as aulas em direto no horário que têm definido”, disse.

A autarca adiantou também que o município “disponibilizou a continuidade do Programa “A Música vai à Escola”, também na modalidade síncrona, no âmbito da parceria com o Conservatório Regional de Artes do Montijo (CRAM)” e que, à semelhança do que aconteceu no primeiro confinamento, “também disponibiliza apoio logístico na entrega e recolha de materiais pedagógicos e de apoio à aprendizagem aos alunos das zonas rurais”.

A vereadora da Educação referiu que a Autarquia já entregou ao AEA 30 câmaras, 30 auscultadores e 8 computadores portáteis, sendo que estão ainda na posse da Autarquia 12 computadores e 20 tablets.

Em relação à disponibilização de computadores por parte do Ministério da Educação, o Agrupamento de Escolas de Alcochete informou o município de que, no início do ano letivo, foram reportados à DGESTE 414 alunos do escalão A e B, desde o 1º Ciclo ao Secundário com necessidade de computador e que até à presente data foram recebidos e distribuídos computadores a 298 alunos, sendo de salientar que 100% dos alunos do escalão A e B do ensino secundário já têm computador. Foram ainda entregues computadores a 152 alunos com ASE a frequentar os 2.º e 3.º Ciclos e a 92 alunos do 1.º Ciclo, tendo-se aqui dado prioridade aos alunos com escalão A.

Município de Alcochete © 2021 | Todos os direitos reservados

wc3 wcag 2.0 amrs logotipo logotipo wiremaze