Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Montras de Natal 2006

09 Janeiro 2007
Farmácia Nunes vence 2.º Concurso
A Farmácia Nunes, situada no Largo Coronel Ramos da Costa, na Vila de Alcochete, venceu o 2.º Concurso de Montras de Natal 2006 do Município de Alcochete, numa iniciativa da Câmara Municipal local, em parceria com a Associação de Comércio e Serviços do Distrito de Setúbal, Escola de Comércio de Lisboa e Região de Turismo da Costa Azul.

O júri, constituído por elementos das referidas entidades, deliberou atribuir também menções honrosas ao Café Marina, Florista Ponto Verde e Restaurante O Marítimo, também localizados na Vila de Alcochete.



A entrega dos prémios decorreu ontem, 8 de Janeiro, no edifício dos Paços do Concelho de Alcochete, no decorrer de uma cerimónia em que participaram Luís Miguel Franco, Presidente da Câmara Municipal, Paulo Machado, Vereador da Cultura, António Caetano, Presidente da Associação do Comércio e Serviços do Distrito de Setúbal/Delegação de Montijo e Alcochete, e Piedade Pereira, Directora da Escola de Comércio de Lisboa.



O 2.º Concurso de Montras de Natal contou com a participação de 27 participantes, tendo sido entregues a todos certificados de participação.

Concorreram a esta 2.ª edição os seguintes estabelecimentos: Ervanária Pérola, Farmácia Gameiro, Farmácia Nunes, Florista Ponto Verde, Loja Artes e Devaneios, Loja Empório, Loja Gémeas, Loja Pop Dreams, Mercearia/Salsicharia Filipa, Papelaria M&B, Pastelaria Trote, Pizzaria Parti D´Amore, Restaurante A Taverna, Restaurante O Barrete Verde, Restaurante O Barriguinhas, Restaurante O Marítimo, Restaurante Petiscos do António, Snack-Bar Marina, Snack-Bar Pilar e Snack-Bar Tiagu´s, situados na Vila de Alcochete, Café Choupal, na Fonte da Senhora, Campotejo e Tropic Boutique, na Vila do Samouco, e Cabeleireiro Mavi, Mini Mercado Gi, Pastelaria A Torradinha e Snack-Bar Marinheiro, na localidade de São Francisco.



“Este prémio representa o reconhecimento da Câmara Municipal pela participação, empenho e dedicação dos participantes”, afirmou o Presidente da Câmara Municipal, salientando a necessidade de a Autarquia e os comerciantes desenvolverem acções conjuntas em prol da qualidade face à prevista abertura de novas superfícies comerciais no concelho.



“É importante encontrarmos os nossos próprios nichos de mercado, o que identifica o nosso comércio local e com o trabalho de todos, comerciantes, restauração e munícipes, termos em Alcochete um comércio de qualidade que a todos satisfaça”, salientou o Vereador da Cultura.



Paulo Machado referiu será criado um Observatório através da constituição de um gabinete de estudos para conhecer os gostos das pessoas nas áreas da economia, sociedade e cultura, informações que serão recolhidas e inseridas em bases de dados para monitorizar as grandes transformações que estão a ocorrer no Município.



“A montra é um espelho do que se passa dentro do estabelecimento e que permite uma visibilidade para o exterior, para a captação do cliente na compra de impulso, um factor que, no comércio tradicional, tendemos a desprezar”, referiu António Caetano, que associou a actividade do comércio tradicional à luta de David contra Golias.



O dirigente associativo elogiou a iniciativa da Câmara Municipal, fazendo votos de que “2007 seja um ano de muito trabalho entre a Câmara e a Associação dos Comerciantes e que possamos fazer outros concursos de montras noutras datas festivas”.



“Alcochete está de parabéns”, disse Piedade Pereira, considerando “brilhante” a iniciativa que permitiu o apoio dos jovens estudantes da Escola de Comércio de Lisboa com os profissionais locais na concepção técnica das montras.



“Os jovens gostaram muito de vir a Alcochete, alguns nem conheciam o concelho e ficaram surpreendidos com a dinâmica da Vila e encantados com o trabalho que realizaram”, acrescentou.

Piedade Pereira revelou ainda a disponibilidade dos alunos da Escola de Comércio de Lisboa, que presta formação nas áreas de comércio, marketing, vendas, vitrinismo e informática de gestão, para estagiarem nos estabelecimentos comerciais de Alcochete, iniciativa que visa contribuir para a modernização e revitalização do comércio tradicional.

Município de Alcochete © 2020 | Todos os direitos reservados

wc3 wcag 2.0 amrs logotipo logotipo wiremaze