Câmara Municipal de Alcochete - Bem-Vindo
Registe-se
RSS Contactos Mapa do Site Pesquisa
 
Newsletter Deixe o seu e-mail
Setúbal - Península Digital
 
Sondagens O que acha do novo site da Câmara de Alcochete? Está óptimo Podia estar melhor Não gosto
Votar
Alcochete 2025  Plano Director Municipal  Roteiro Interactivo  Plataforma nacional de educação     Centro Municipal de Recolha de Cães  Email do Munícipe  Linha Munícipe 
Home  »  História e Tradição  » Atribuição de Foral
Foral de Alcochete e Aldeia Galega

Foral de Alcochete D. Manuel I, “Rei de Portugal e dos Algarves, daquém e dalém-mar em África, Senhor da Guiné e da conquista, navegação e comércio da Etiópia, Arábia, Pérsia e da Índia”, concede Foral às Vilas de Alcochete e de Aldeia Galega, em 17 de Janeiro de 1515.

Uma Carta de Foral ou Foral é um diploma concedido pelo rei a uma povoação, que define as normas que regem as relações dos habitantes entre si e destes com o rei, além de regular impostos, portagens, taxas, multas e estabelecer direitos de protecção e obrigações militares.

No século XV o concelho do Ribatejo era constituído pelas primitivas freguesias de S. Lourenço de Alhos Vedros e Santa Maria de Sabonha, integrando este último, a vila de Alcochete e de Aldeia Galega, Samouco e Sarilhos.

Em 17 de Novembro de 1539 ficou estabelecido a separação entre as Câmaras de Aldeia Galega e Alcochete devido ao aumento da população em cada uma das Vilas.

Alcochete era, na época, uma vila moderna e um importante ponto de passagem para o sul do país, local de estadia da corte e da nobreza, destacado centro de apoio logístico na época dos Descobrimentos, com uma situação geográfica privilegiada em relação à capital, que abastece de produtos como vinho, sal, fruta, caça, lenha e carvão.

O Foral de Alcochete e Aldeia Galega é um documento histórico que nos fornece importantes informações sobre a época dos Descobrimentos e que nos dá indicações sobre a vida quotidiana das populações que aqui viviam, desde o vestuário, a alimentação, o comércio, o mobiliário, os produtos industriais e de construção civil, a cerâmica e os metais.




Voltar | Enviar Link | Imprimir | Topo
Promotor - AMRSEm representação das Câmaras Municipais de Alcochete - Barreiro - Moita - Montijo - Palmela - Sesimbra - SetúbalParceiros AERSETIPS - Instituto Politécnico de SetúbalUnião EuropeiaPrograma Operacional Sociedade do Conhecimento
Símbolo de Acessibilidade[D]
Copyright © 2014 C. M. de Alcochete. Todos os direitos reservados. Termos e Condições