Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Alcochete recebe encontro sobre espécies exóticas no Tejo

Eeeatejo n 1 750 2500
01 Março 2017
O fórum cultural de Alcochete recebe, no próximo dia 22 de março, o 1.º Encontro sobre Espécies Exóticas Aquáticas no Tejo, numa organização do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente em parceria com o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas e da Câmara Municipal de Alcochete.

A introdução de espécies não-indígenas ou exóticas é considerada uma das principais causas de perda de biodiversidade, contrariando o equívoco generalizado de que a um maior número de espécies na natureza corresponde uma maior diversidade biológica.

A bacia hidrográfica do Tejo é o sistema aquático português onde se regista o maior número de espécies exóticas e onde se sobrepõem interesses do ponto de vista da conservação da natureza e da sustentabilidade socioeconómica de populações, que dependem da exploração dos recursos aquáticos.

Os impactos ambientais e socioeconómicos que derivam da introdução no Tejo de espécies como a amêijoa-japonesa, o caranguejo-peludo-chinês, o lagostim-vermelho-da-Luisiana, o siluro, assim como de plantas aquáticas invasoras são algumas das questões que vão ser abordadas neste encontro.

Programa do 1.º Encontro sobre Espécies Exóticas Aquáticas no Tejo

Cartaz do Encontro

Faça a sua inscrição gratuita e obrigatória  aqui.

Mais informações em www.mare-centre.pt
ICNF/RNET – 212 348 021 – rnet@icnf.pt


Município de Alcochete © 2015 | Todos os direitos reservados

wc3 wcag 2.0 amrs logotipo logotipo wiremaze